Entreposto - Ceagesp, Ceasa - Distribuidora JJ Alimentos investe em inovações tecnológicas
Advertisement

Distribuidora JJ Alimentos investe em inovações tecnológicas

Além de frutas, legumes e verduras, também são vendidos cogumelos, polpas, ovos, temperos e grãos

Entre as últimas décadas do século 19 e primeiras do século 20, muitos imigrantes europeus se estabeleceram na região central da cidade de São Paulo, atraídos pela urbanização da área. Foi nesse contexto que a história da JJ Alimentos começou: pai e filho descendentes de italianos empreendendo no Brás. 

Era 1985 quando José Settani decidiu investir na área de distribuição de alimentos frescos para órgãos públicos, aproveitando seus anos de experiência no mercado atacadista voltado para este setor. A empresa foi fundada junto com seu filho, José Settani Junior, que fazia tudo na época, do setor administrativo às entregas.

Apesar do falecimento de Settani no ano seguinte, Junior, com apoio da família, deu continuidade aos negócios e está até hoje, 30 anos depois, à frente da empresa. 

Em 2004, a JJ foi transferida para o Entreposto paulista e atualmente comercializa e distribui seus produtos não só para segmentos do setor público, como o Ministério do Exército e Forças Armadas e a merenda escolar através das prefeituras, mas também estabelecimentos privados diversos, como bares, hotéis e restaurantes.

“Vendemos produtos in natura em grande volume, mas sem processamentos ou manipulações”, comenta a diretora comercial, Solange Settani. Além de frutas, legumes e verduras, também são vendidos cogumelos, polpas, ovos, temperos e grãos.

A distribuidora acaba de ser certificada com o ISO 9001, que estabelece requisitos para o Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ) de uma organização e, de acordo com Solange, a implantação deste processo trouxe uma experiência muito positiva para todos os setores da JJ. “Maior organização, produtividade e consciência do valor humano, além de mais consciência em manter a satisfação do cliente com um bom atendimento e com bons produtos”, sintetiza Solange.

A empresa familiar investiu em recursos tecnológicos para automatizar todos os processos, “inclusive o setor operacional e o estoque, que são o coração da empresa”. O espaço físico foi todo redefinido e sinalizado, cada produto possui uma área específica sobre estruturas paletizadas. Máquinas embaladoras e monitoramento das entregas fazem parte dos investimentos recentes.

Com a facilidade de se comparar preços nos dias de hoje, a competitividade no ramo está cada vez mais acirrada: “sobrevivem e se sobressaem as empresas que agirem com mais competência e inovação”, conclui Solange. O próximo passo da JJ Alimentos é, em curto prazo, iniciar vendas online.

Este site utiliza cookies para ajudar a disponibilizar os respectivos serviços, para personalizar anúncios e analisar o tráfego.
As informações sobre a sua utilização deste site são partilhadas com a Google. Ao utilizar este site, concorda que o mesmo utilize cookies. Ler Política de Privacidade

Eu entendi.