Espanha vs Catalunha

Notícias
Tipografia

A Espanha é o quarto país de onde mais vem produtos para serem comercializados na Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo, a CEAGESP. No último dado levantado pelo departamento da SEDES - Seção de Economia e Desenvolvimento, em 2016, foram mais 40 mil toneladas de produtos espanhóis que chegaram ao Entreposto paulista.

O país é um dos principais produtores agrícolas da Europa. E essa parceria comercial é de extrema importância envolvendo os dois países. Tanto que o Brasil, através do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – MAPA esteve entre os dias 18 e 20 de outubro, na cidade de Madrid, para o evento da Fruit Attraction, que é uma feira internacional de frutas e verduras.

O Brasil esteve presente no evento  e foi representado pelo Secretário-Executivo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Eumar Novacki e por 11 empresas que apresentaram os produtos nacionais.

O secretário considerou a participação brasileira, em Madri, um sucesso. “Percebemos a curiosidade dos países em relação aos nossos produtos, as pessoas que passavam no estande apreciaram a qualidade, muitos negócios foram fechados e outros estão encaminhados. O Brasil é o terceiro colocado na produção de frutas do mundo, mas ocupamos a 23ª posição na exportação. Vamos melhorar isso”, disse Eumar Novacki .

O proprietário da empresa La Luna Importadora de Frutas Ltda, comércio que fica localizado no pavilhão HFN, Box 171 e 172 da CEAGESP, Nilton Rodrigues esteve no evento e acompanhou de perto as novidades para o setor de importação.

Entretanto, recentemente, o que repercutiu no mundo inteiro foram os movimentos separatistas da Catalunha.  Segundo o ministro espanhol de Economia, Luis de Guindos, uma Catalunha independente e fora da União Europeia significaria uma queda entre 25% a 30% do PIB da região e uma duplicação do desemprego.

No dia 10 de outubro, aconteceu, em Barcelona, uma manifestação com os agricultores. Eles utilizaram diversos tratores em frente ao Parlamento Regional, em apoio à declaração do presidente catalão, Carles Puigdmont.

Assine gratuitamente nosso newsletter e receba os informativos com as principais notícias da semana.